Criminalista pede a punição de Sérgio Moro

Advogado criminalista, Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay,  afirmou  que o juiz Sérgio Moro deveria ser punido por ter mantido Vaccari preso.

“Todos sabem, ou deveriam saber, que delação não pode ser usada como prova, serve para iniciar a investigação.O delator, em regra, mente, omite, protege e o pior se o delator for pego mentindo, terá direito ao recall, que é a oportunidade de ” consertar” o que mentiu, o que omitiu, sem perder os benefícios”, diz Kakay.

Segundo o advogado, o recall é o maior incentivo à corrupção da história. “O juiz Moro alegou que vários delatores falaram de Vaccari. Ou seja , irresponsavelmente, o que foi usado para condenar é uma delação que sustenta outra delação!!! Há tempos criticamos o uso indiscriminado da prisão preventiva”, diz Kakay.

O Vaccari com certeza cometeu crimes. Ele foi tesoureiro do PT;  apenas 02 juízes do TRF absolveu Vaccari (02 x 1) mas o MP vai recorrer.

Vaccari ficou preso porque foi condenado na 1ª instância.

Juiz Federal aceita a 12ª denúncia contra Cabral

RIO – O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal aceitou nesta quarta-feira nova denúncia contra o ex-governador Sérgio Cabral (PMDB). Essa vai ser a 12ª ação a que o peemedebista vai responder na Operação Lava-Jato. Ele já foi condenado pelo juiz Sérgio Moro e responde a outros 11 processos na Vara de Bretas.

Gilmar Mendes fez um pronunciamento histórico no STF

Gilmar Mendes fez um pronunciamento histórico hoje (28/06) no STF, entre outras afirmações ele disse que o STF deve obediência a constituição e não ao procurador Janot.
Disse que pede ao Espírito Santo para que ilumine o STF para que não cometa injustiças, mas se o Espírito Santo não atender, que pelo menos o STF tenha senso do ridículo. Porque segundo ele, o STF perdeu o senso de ridículo.
Gilmar cita que estão abrindo processos prescritos apenas para expor o denunciado ao público, já se sabendo que não vai ocorrer punição e que essa atitude é um ato político.
Cita que Andre Esteves foi acusado injustamente e posteriormente, após o banco falir, foi descoberto que quem fez o crime foi Bumlai e não Andre Esteves.
 
Disse que se o acordo de Joesley foi feito sem legalidade, ´precisa ser revisto e muitos dos colegas estão afirmando que isso não é possível.
 
Gilmar citou o pedido injusto segundo ele da prisão, do, ex- presidente Sarney, por uma conversa, gravada por Sérgio Machado, no leito de um hospital.
Gilmar fala que estamos em um estado policialesco

Advogado confirma versão gravada entre procuradores: o interesse pela sucessão

Folha de São Paulo:

“Ex-advogado da J&F preso na Operação Patmos, Willer Tomaz acusa Joesley Batista e o diretor do grupo Francisco Assis e Silva de terem armado uma armadilha para ele e o procurador Ângelo Goulart Villela, também preso, para agradar ao procurador-geral Rodrigo Janot e assim conseguir prêmios mais vantajosos na delação.

De acordo com Tomaz, o interesse de Joesley em entregar Villela surgiu em decorrência da informação de que o procurador era um adversário de Janot e apoiava um nome da oposição para a sua sucessão, Raquel Dodge. Dodge ficou em segundo lugar na lista tríplice formada após eleição interna da categoria nesta terça (27) para suceder Janot.”

A pressa de Fachin é a saída de Janot?

Nesta terça-feira, o advogado Gustavo Guedes se reuniu com Fachin e explicou que considerava esta a forma mais rápida de tramitação. Segundo ele, se o STF decidisse ouvir Temer antes de remeter a denúncia à Câmara, ela só começaria a tramitar em agosto e só deveria ser votada em setembro pelos deputados federais.

“Não é que seja o melhor para a defesa, é o melhor para o País. Queremos julgar logo”,

“MELHOR PARA O PAÍS SERIA O NÃO ACATAMENTO DA DENUNCIA. MAS COMO A DENÚNCIA FOI ACATADA, RESPEITEM A LEI E DÊ O DIREITO DE DEFESA.

As quentinhas do dia – 28/06

LADRÃO ROUBANDO LADRÃO
JBS deu uma mala para Loures dizendo q havia 500 mil. Ele não conferiu. MP disse q faltava 35 mil. Ele devolveu do próprio bolso.

Esta leva de corruptos são tão desonestos que dão as malas faltando dinheiro ou mandam ladrões roubarem as malas depois de entregues

Gilmar Mendes que pôr em dúvida quem seria o líder da organização criminosa. Isso poderia invalidar as delações da JBS.

“Essa é a verdade dos fatos: não se está fazendo controle de legalidade (dos acordos de delação)”, diz Gilmar.

“Acho que, a esta altura, ninguém duvida do engajamento da Globo na queda de Michel Temer. Parece ter virado uma questão de honra por lá. É claro que nem todos os profissionais estão empenhados na tarefa — e é evidente que não vou aqui nominar as exceções”
Reinaldo Azevedo

RENAN PERDE A LIDERANÇA DO PMDB
Aliado do presidente Michel Temer, o senador Romero Jucá (RR) conseguiu reunir maioria na bancada para apeá-lo do cargo na manhã desta quarta-feira. O Palácio do Planalto quer colocar Garibaldi Alves (RN) na função, mas aliados de Renan tentam emplacar Jader Barbalho (PA). (VEJA)

Fachin decide enviar denúncia contra Temer direto para Câmara SEM defesa prévia do presidente.

 

MPF vai recorrer da absolvição de Vaccari

PROCURADOR, BRAÇO DIREITO DE JANOT, SAIU DA PGR E FEZ ACORDO P/ JOESLEY

PROCURADOR, BRAÇO DIREITO DE JANOT,, PEDE DEMISSÃO DA PROCURADORIA E VAI TRABALHAR NA JBS PARA FAZER O ACORDO DE DELAÇÃO PARA O BANDIDO. TEMER FALA SOBRE O ASSUNTO:

“Exemplo: a ilação permitiria construir a seguinte hipótese: um assessor muito próximo ao procurador-geral da República, Sr. Marcelo Miller,

Pelas novas leis da ilação, poderíamos concluir que, talvez, os milhões não fossem unicamente para o assessor de confiança que deixou a PGR.

…) homem de sua mais estrita confiança, um dia deixa o emprego do sonho de milhares de jovens brasileiros.”

“Garantiu ao seu novo patrão (JOESLEY/JBS) um acordo benevolente, uma delação que o tira das garras de justiça, que gera uma impunidade nunca antes vista.”

LEIA MAIS E ASSISTA O VÍDEO.

http://wp.me/p6PPuS-5eo

Editorial do Estadão – Denúncia inépta

A denúncia do procurador-geral Rodrigo Janot contra o presidente Michel Temer é inepta. O Supremo Tribunal Federal faria bem se mandasse arquivá-la

28 Junho 2017 | 03h09

O resultado do generoso prêmio dado ao empresário Joesley Batista por sua delação envolvendo o presidente Michel Temer é uma denúncia inepta. Finalmente apresentada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, na segunda-feira passada, para basear pesadas acusações de corrupção contra o presidente, a peça não acrescenta nada ao que já havia sido tornado público com o vazamento da delação de Joesley. Ou seja, a denúncia de Janot contra Temer é baseada somente na palavra do delator e em diálogos que deveriam ser interpretados com bem menos ligeireza, não só porque estão entrecortados, tornando-se incompreensíveis em vários momentos, mas principalmente porque foram captados pelo empresário com a intenção evidente de comprometer o presidente, sabe-se lá por que obscuras razões.

Por esses motivos, o Supremo Tribunal Federal faria bem se mandasse arquivar a denúncia, pois é claro que não se pode tratar de um processo criminal contra um presidente da República – que implicaria seu afastamento do cargo – sem que haja sólidas evidências a ampará-lo. E tudo o que se pode dizer, da leitura das pouco mais de 60 páginas da denúncia do procurador-geral, é que as acusações evidentemente carecem de base.

A denúncia se baseia principalmente na acusação de que o presidente Temer ganhou de Joesley Batista “vantagem indevida de R$ 500 mil”, por intermédio do ex-deputado Rodrigo Rocha Loures – que foi flagrado em vídeo recebendo a quantia em uma mala. Para a Procuradoria-Geral, o simples fato de que Rocha Loures era próximo de Temer – o presidente citou o nome do ex-deputado no diálogo com Joesley – foi suficiente para inferir que o dinheiro não era para Rocha Loures, e sim para o presidente.

LEIA O EDITORIAL COMPLETO

 

A ESCOLHA DO NOVO PROCURADOR

 

POR QUE TEMER DEVE ESCOLHER RAQUEL DODGE?
PORQUE É A MAIS COMPETENTE, TÉCNICA E ÚNICA QUE TEVE A CORAGEM DE DESAFIAR JANOT

A VERDADE É QUE O BRASIL DURANTE 13 ANOS FOI GOVERNADO POR UMA QUADRILHA, CUJO CHEFE MAIOR CONTINUA SOLTO, INFLUENCIANDO INCLUSIVE, A CÂMARA , SENADO E JUSTIÇA.
DOIS CARGOS SEMPRE FORAM OCUPADOS POR PETRALHAS: PRESIDENTE DO SENADO E PROCURADOR DA REPÚBLICA.
ELES NÃO QUEREM PERDER ESSES CARGOS,, PORQUE SÃO ESTRATÉGICOS
FAÇAM UMA PESQUISA E COMPROVEM QUEM ESTEVE NA PRESIDÊNCIA DO SENADO, POR LONGOS PERÍODOS E ATÉ MESMO MAIS DE UMA VEZ.

SE SEMPRE O PRIMEIRO DA LISTA É O APROVADO, ENTÃO TIREM O DIREITO DO PRESIDENTE DE INDICAR O NOME E RETIRE O NOME “LISTA TRÍPLICE”. A LISTA É ÚNICA.(

A ENTIDADE SINDICAL DOS MAGISTRADOS. FAZ A INDICAÇÃO PARA O SENADO DO NOME DO NOVO PROCURADOR. (POR TRADIÇÃO O SENADO SEMPRE APROVA).
ESSA TRADIÇÃO SEMPRE OCORRE DESDE 2003. ANO QUE LULA TOMOU POSSE.(MERA COINCIDÊNCIA?)
A CONSTITUIÇÃO DIZ QUE O DIREITO DE ESCOLHER É DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA.
LULA EM UMA GRAVAÇÃO FLAGRADA PELA PF, DISSE QUE SE NÃO FOSSE ELE, JANOT NÃO SERIA PROCURADOR PORQUE SERIA O TERCEIRO DA LISTA?E QUE JANOT DEVE A ELE POR OCUPAR O CARGO?
ENTÃO ESTÁ EXPLICADO: LULA INTERFERE NO RESULTADO.
E VOCÊS SABEM QUEM FOI O ESCOLHIDO?
O IRMÃO DO GOVERNADOR DO MARANHÃO,FLÁVIO DINO, QUE É DO PCdoB. É O FAVORITO DE LULA E DE JANOT.

SR JANOT: QUAL O OBJETIVO DO FATIAMENTO? SANGRAR O PRESIDENTE AOS POUCOS

“O procurador da república cobre de ridículo a procuradoria geral da República  oferecendo duas ou quem sabe  três, tendo o mesmo evento como fato gerador, disse Reinaldo Azevedo”. (..)

“É indecente, é espantoso que tenhamos chegado a isso, ainda que Temer fosse culpado dos três crimes é claro que as três imputações teriam de estar em uma só denúncia a menos que o objetivo do procurador geral seja ( é eu acho que é né doutor, nessa altura, vamos ser claro)
depor o presidente a qualquer custo, apostando no desgaste e no esboroamento da base de apoio.”

Reinaldo Azevedo  – “O E da coisa”

PF suspende a fabricação e entrega de novos passaportes

A Polícia Federal decidiu suspender , por tempo indeterminado, a emissão de novos passaportes.O motivo é falta de  verba . Será necessária  a edição de uma Medida Provisória ou a aprovação de um projeto de lei pelo Congresso para aumentar o orçamento

As pessoas que já requisitaram o documento vão recebê-lo. Os novos pedidos, não têm previsão de entrega.

A informação é de Lauro Jardim de “O Globo”.

Presidente do PT do Rio de Janeiro, prega Luta armada se Lula for preso

“Queremos, a partir do Rio de Janeiro, dizer em alto e bom som: condenar Lula sem provas é acabar de vez com a democracia! Se fizerem isso, se preparem! Não haverá mais respeito a nenhuma instituição e esse será o caminho para o confronto popular aberto nas ruas do Rio e do Brasil!”, disse Quaquá em nota.

Washington Quaquá, presidente do PT-RJ, com mandato CASSADO por VANTAGENS ELEITORAIS, prega “LUTA ABERTA” pelo Lula

Washington Quaquá PREGA O “CONFRONTO POPULAR” SE LULA FOR PRESO OU CONDENADO POR SÉRGIO MORO.

O deputado federal Marcelo Delaroli (PR-RJ) pediu que a Procuradoria-Geral de Justiça do Rio de Janeiro analise as declarações de Washington Quaquá, presidente do PT carioca, que convocou a militância, em nota divulgada nesta segunda-feira (26), para o “confronto popular aberto nas ruas do Rio e do Brasil” caso Lula seja condenado pelo juiz federal Sérgio Moro no caso do tríplex do Guarujá.