Macri pedirá sanções contra a Venezuela

O presidente eleito da Argentina, Mauricio Macri, afirmou na manhã desta segunda-feira: “O Mercosul precisa avançar nos acordos com a União Europeia (UE) e convergir para uma aliança com o Pacífico e aumentar o intercâmbio em geral”, afirmou. Ele pretende  destravar a negociação com a UE, na qual a Argentina é o maior empecilho, e foi claro em seu plano de se aproximar da Parceria Transpacífica (TPP), acordo comercial que inclui 12 países.

Macri também afirmou que solicitará no Mercosul a aplicação da cláusula democrática do bloco contra a Venezuela,  “Vamos fazer como dissemos na campanha. Vamos invocar a cláusula democrática contra a Venezuela, isso lhe corresponder pelos abusos e pela perseguição aos opositores”, afirmou Macri.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *