Atenção STF, atenção Teori Zavascki: Brasil clama por imparcialidade e justiça

ajustica

São ridículos os argumentos de Cardoso. O STF JÁ NEGOU diversas contestações de Cardoso e em nenhum momento o STF colocou em dúvida a legalidade dos atos praticados por Cunha.. Ao contrário, deu até mesmo o ritual que deveria ser seguido. A decisão foi feita pelos parlamentares e Senadores. (376 X 137 – 15 – 05). Anular a aceitação do impeachment ( Cunha apenas deu prosseguimento ao processo) por motivos de nulidade ou desvio de função, SERIA OBRIGATÓRIO anular TODOS OS ATOS DE CUNHA DURANTE O PERÍODO DE SUA GESTÃO. CAUSANDO GRANDE CONFUSÃO JURÍDICA. Não pode anular atos de forma seletiva, a gosto de Cardoso. .A data do inicio do Conselho de ética, foi posterior a aceitação do processo do impeachment ( que já estava sendo preparado por seus autores. Assim como existe outro feito pela OAB, por motivos obvios de crimes de responsabilidade). O país agoniza, está parado. Não pode o STF se tornar um puxadinho do PT apenas para adiar algo consumado. Dilma não possui condições morais,, legais ou políticas para continuar na presidência. A solicitação de Cardoso é intempestiva e deveria ter sido feita antes das votações. Agora legalmente, só o Senado pode julgar. Cunha foi afastado pelo STF de FORMA ILEGAL E EXCEPCIONAL,. Uma interferência do STF (poder judiciário) no poder Legislativo. Não se pode usar uma ilegalidade para se praticar OUTRA ilegalidade. Só vai prejudicar a agonia do país, prejudicando mais ainda milhares de brasileiros. Ministro Teori não adie o inadiável. Dilma não possui condições para continuar. No momento histórico e grave, o STF, guardião da Constituição e da Justiça não pode prejudicar a nação, servindo ao PT e a interesses escusos da quadrilha criminosa que insiste em ficar no poder para se proteger de privilégios, arruinar o país e impedir suas merecidas punições. Cada segundo a mais Dilma comete outras ilegalidades prejudicando a nação.. Ela já possui investigação em vários crimes. Deve ser observados os princípios jurídicos que são sensatos e são discricionários. Não estão escritos na Lei. A nação exige imparcialidade do STF e respeito a Constituição, ou o STF se tornará cúmplice da quadrilha governante.

O MINISTRO TEORI NÃO PODE ANULAR AS SESSÕES JÁ OCORRIDA NA CÂMARA ( 367 X 137) E NO SENADO ( 15 X 0) QUE SÃO PODERES INDEPENDENTES.  E REALIZARAM UM ATO PERFEITO QUE NÃO PODE SER ANULADO

JORGE RORIZ

Deixar uma resposta