CARDOSO – O ESTRANHO ADVOGADO DE DILMA

CARDOSO

Fábio Medina Osório, advogado da AGU entrou com uma ação, contra o ex advogado da AGU, Eduardo Cardoso por ele ter defendido que o impeachment é golpe.

O entendimento de Osório na ação contra Cardozo é que, como ministro da AGU, que representa também os poderes Judiciário e Legislativo, o petista não poderia ter defendido a hipótese de “golpe”.

CARDOSO OCUPAVA O CARGO DE ADVOGADO DA UNIÃO, PORTANTO PRECISAVA RESPEITAR O LEGISLATIVO (CÂMARA E SENADO) E A JUSTIÇA ( STF) QUE CONSIDERAM O IMPEACHMENT LEGAL. AO AFIRMAR QUE O IMPEACHMENT É GOLPE, CARDOSO ESTÁ COMETENDO CRIME, DESRESPEITANDO  AS INSTITUIÇÕES E OS PODERES QUE SÃO INDEPENDENTES.

ESSE ENTENDIMENTO INCLUSIVE É O MESMO DE DIVERSOS MINISTROS DO STF. ATÉ MESMO DILMA FOI CONVOCADA PARA EXPLICAR POR QUE AFIRMA SER O IMPEACHMENT UM GOLPE.

A AFIRMAÇÃO ALÉM DE FALSA, ATENTA CONTRA A ORDEM JURÍDICA E CAUSA DANOS A IMAGEM DAS INSTITUIÇÕES DO PAÍS, INCLUSIVE NO EXTERIOR.

Fábio Osório afirmou  que ‘a defesa de Cardozo foi criminosa’, uma vez que seu ‘discurso jamais poderia ter sido feito por um advogado da União’. Declarou também que o denunciado ‘acabou com a dignidade do órgão (AGU) e cometeu crime de responsabilidade ao forjar o discurso do golpe’.

Cardoso alega que o atual ministro da AGU, opinou publicamente sobre a “honorabilidade” e o “desempenho funcional de outra autoridade federal” (o Advogado-Geral da União que o antecedeu), o que lhe era eticamente vedado (art. 12, I).”.

Cardoso esquece que atentou contra a Câmara, o Senado e o STF que deram prosseguimento ao processo do  impeachment. E  se o impeachment é  golpe, então o STF, a Câmara e o Senado seriam golpistas.

Cardozo disse que o processo é uma “evidente tentativa de intimidação do livre exercício da atuação de um advogado” e anunciou que entrou com uma representação contra o atual ministro da AGU, Fábio Medina Osório,  no Conselho de Ética da Presidência da República.

A tecnica comunista consiste em acusar adversários do que eles fazem de errado. Invertendo a lei, a lógica e a justiça. Uma  mentira repetida mil vezes se torna uma verdade.

O bandido é vítima e o juiz é o criminoso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *