Decretos de Dilma também estão sendo investigados

1449744753204

O Tribunal de Contas da União (TCU) está investigando   seis decretos de liberação de recursos assinados pela presidente Dilma Rousseff no período entre 27 de julho e 20 de agosto deste ano.

Os referidos decretos totalizam R$ 95,9 bilhões

O ministro José Múcio Monteiro autorizou inspeção na Presidência da República e no Ministério do Planejamento para apurar se Dilma descumpriu a lei orçamentária ao permitir as liberações.

O procurador afirma que Dilma descumpriu a Lei Orçamentária e, no impeachment, os juristas advogam que isso infringiu também a Lei dos Crimes de Responsabilidade, o que permitiria a cassação. Os decretos liberaram recursos em créditos suplementares para diversos órgãos do governo, do Legislativo e do Judiciário.

Despesas. Os decretos de Dilma liberaram recursos após o governo enviar ao Congresso projeto para reduzir a meta fiscal, ou seja, diminuir a economia que o governo faz todos os anos para pagar os juros da dívida pública.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *