Deputados governistas pedem que STF suspenda abertura de impeachment

Deputados da base governista protocolam nesta quinta-feira no Supremo Tribunal Federal mandados de segurança para tentar suspender a abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Os recursos pedem, em liminar, a suspensão do despacho do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), por desvio de finalidade e abuso de poder. Os recursos não questionam o mérito do pedido, tampouco as justificativas de Cunha para aceitação da denúncia dos juristas Miguel Reale Jr, Hélio Bicudo e Janaina Paschoa. ( Veja)

Deixar uma resposta