Dilma afronta brasileiros ao esbanjar em hotel de luxo de Paris, alertam deputados

mosaico-300x300 (1)

Enquanto o consumidor é colocado na forca devido à crise e obrigado a assistir de mãos atadas o governo federal fazer cortes em áreas essenciais para tentar conter uma economia desequilibrada, as afrontas de Dilma aos brasileiros continuam. Esbanjando riqueza, a presidente hospedou-se num hotel de luxo em Paris com diária por volta de 17 mil euros. Ou seja, a petista pagou cerca de R$ 70 mil para manter sua estadia no francês Le Bristol durante a realização da 21ª Conferência do Clima (COP 21), iniciada nessa segunda-feira (30). Tucanos condenam o ato e consideram falta de respeito com o cidadão.

Para o deputado Alexandre Baldy (GO), Dilma está desconectada com a realidade da população, que já sofre com a inflação, alimentos caros, conta de luz cada vez mais alta e transporte público deficiente. “O governo federal não consegue arcar nem pagar suas responsabilidades primárias no fim de ano. Enquanto isso, a presidente, em vez de cuidar da crise política e econômica, está gastando R$ 70 mil em diárias de um evento”.

“Não me espanta em nada a presidente Dilma dar uma banana para o povo brasileiro e ir a Paris num momento de crise, não só financeira, mas social”, fez o alerta o deputado Elizeu Dionizio (MS). Segundo o parlamentar, o PT já está habituado a agir de tal forma dando claras demonstrações de que seu problema não é só a falta de respeito, mas de bom senso, caráter e pudor. Conforme apontou, existem situações delicadas ocorrendo no Brasil que mereciam a atenção ou precisam ser resolvidos pela presidente, como o desastre em Mariana (MG) e a prisão do líder do governo, senador Delcídio do Amaral.

“Ela vai à Paris e fica hospedada em um hotel só para ostentar”, criticou. A estadia luxuosa não é inédita. Em dezembro de 2012, durante visita ao presidente da França, François Hollande, a presidente e sua comitiva também se hospedaram no Le Bristol. Segundo o parlamentar, Dilma dá continuidade aos atos de Lula, que sempre criticava os adversários e em seguida corria para hotéis luxuosos em São Paulo. “O PT vai continuar fazendo isso enquanto estiver no poder. Não tem como continuar com o desgoverno no nosso Brasil”, lamentou.

Tradição

Por incrível que pareça, o histórico da petista é marcado pela ostentação. Neste ano, em viagem a Nova York, Dilma se hospedou numa suíte de luxo no hotel St. Regis. Os gastos diários foram de US$ 11 mil por dia e a conta superou R$ 100 mil. Em 2013, a presidente prestigiou a missa inaugural do papa Francisco, em Roma. Sua equipe usou 52 quartos de hotel e 17 veículos foram alugados. Em um dos locais mais luxuosos de Roma, à época, foram gastos com a diária dos quartos mais baratos ao menos R$ 910 e com a suíte presidencial R$ 7.700.

One thought on “Dilma afronta brasileiros ao esbanjar em hotel de luxo de Paris, alertam deputados

Deixar uma resposta