Dilma jamais negou que o áudio é falso, mas ministro do STF faz isso

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Marco Aurélio Mello colocou em dúvida as gravações feitas pela Lava Jato que envolvem a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula.

“Quem teria determinado esse grampo? Começamos por aí, seria uma prova ilícita?”, apontou o ministro.

Para Marco Aurélio, é preciso submeter as interceptações a uma perícia, diante da gravidade das falas.

“Temos que aguardar primeiro para constatar a veracidade desses áudios e, segundo, as instituições atuarem e percebermos as consequências, se foi o fato foi um fato verídico”, completou.

ELE DIZ ISSO PORQUE SABE QUE O ÁUDIO PROVA O CRIME DE DILMA E AGORA COLOCA EM DÚVIDA A AUTENCIDADE DA GRAVAÇÃO.

PERGUNTO: SE O ÁUDIO NÃO É VERDADEIRO, POR QUE DILMA NUNCA AFIRMOU ISSO?

A PRÓPRIA DILMA JUSTIFICOU A CONVERSA, ASSUMINDO SER A VOZ DELA.

ESSE MINISTRO ESTÁ A SERVIÇO DO PT?

 

Comments

  1. QUEM COLOCA DÚVIDAS NA AUTENTICIDADE DO ÁUDIO É O MINISTRO DO STF (QUE TEVE A FILHA NOMEADA POR DILMA COMO DESEMBARGADORA, MINISTRO, MARCO AURÉLIO

  2. Dilma jamais negou que o áudio é falso

    Cê tá dizendo que é falso?

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *