Em busca do Brasil perdido

Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão – serrao@alertatotal.net
A desmoralização completa da cúpula do Executivo e do Legislativo e as atitudes temerárias de um Judiciário que toma decisões mais políticas que efetivamente jurídicas estão causando nojo, indignação e revolta no cidadão-eleitor-contribuinte que é honesto, trabalha e produz, embora sobreviva sob espoliação do Estado Capuminista (centralizador, clientelista, cartorial, cartelizado, corrupto e canalha). A deterioração da economia agrava os problemas na crise estrutural.
As pessoas comuns estão perdendo a paciência com o noticiário que finge tratar, com isenção e objetividade, fatos criminosos que agridem a moralidade e a ética com a coisa pública. As chantagens e jogadas baixas de Dilma Rousseff para se manter no poder são deploráveis. Tão escrotas quanto as denúncias e investigações contra os presidentes da Câmara e do Senado, Eduardo Cunha e Renan Calheiros, que são defendidos por vários de seus pares como se fossem crianças inocentes que apenas cometeram uma traquinagem.
Mais assustadora é a inimaginável blindagem de Luiz Inácio Lula da Silva – o poderoso chefão do PT e Presidentro escancarado de Bruzundanga. Novamente, surgem denúncias sobre milionários pagamentos feitos a familiares dele com dinheiro oriundo de negociatas entre empresários e a administração pública. No entanto, Lula continua intocável e preparando o retorno (de fato) à Presidência da República que seu poder paralelo nunca deixou de ocupar desde 2003. É altíssimo o risco de nada acontecer com ele – a não ser que a Justiça Divina faça o serviço que a profana e profanada não consegue fazer…
O Brasil segue no perigoso processo de impasse institucional prontinho para culminar em uma ruptura – que tem alto risco de ser violentíssima, porque mistura politicagem, radicalismo e crime organizado. Se o processo de destruição nacional não for contido, com um choque de ordem e democracia, as consequências são imprevisíveis. O risco de fragmentação do País, que tem tudo para mergulhar em conflitos armados, é o menos ruim que pode acontecer. O deplorável é a perda inútil de vidas em uma guerra que já nasce sem vitoriosos.
A inação ou lentidão para solucionar tantos problemas custarão muito ao Brasil e aos brasileiros.
CABU para sempre
Carlos Alberto Brilhante Ustra foi um exemplo de cumpridor do dever em nome do que mais acreditava: o Amor à Pátria.
Por isso, mesmo que tenha passado do plano material para o espiritual, a coragem, honra, lealdade e dedicação dele ao Brasil e aos verdadeiros amigos ficarão eternizados.
Ustra tem um mérito inatingível e inatacável: graças a ele e família, a Verdade não ficou sufocada – o que faz e fará muita diferença para o Brasil em busca da Democracia.

Deixar uma resposta