Kátia Abreu joga vinho na cara de Serra: “você nunca será presidente”

wilsondiasagenciabrasilpg
Wilson Dias. Agência Brasil

Em um jantar nesta quarta-feira (09/12),  que contou com a presença de  de senadores de vários partidos e do vice-presidente Michel Temer, Lídice da Mata, Lindbergh Farias (PT-RJ), Marta Suplicy (PMDB-SP), Edison Lobão (PMDB-MA), João Capiberibe (PSB-AP), Antonio Carlos Valadares (PSB-SE), José Medeiros (PPS-MT), Fátima Bezerra (PT-RN), Ronaldo Caiado (DEM-GO), Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), Cássio Cunha Lima (PSDB-PB). O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg (PSB), e o ex-ministro Moreira Franco
ocorreu o seguinte diálogo entre o ex- governador de São Paulo, José Serra e a ministra Kátia Abreu:

“Kátia, dizem por aí que você é muito namoradeira”, teria dito o senador tucano, ao que a ministra jogou a taça de vinho no rosto do adversário político. “Você é um homem deselegante, descortês, arrogante, prepotente. É por isso que você nunca chegará à Presidência da República. E, de mais a mais, nunca traí ninguém na minha vida. Nunca lhe dei esse direito nem essa ousadia. Por favor, saia dessa roda, saia daqui imediatamente”, respondeu.

Alguns afirmam que Kátia Abreu estava embriagada.

Serra então teria se afastado. Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, ela confirmou a briga e afirmou que “toda mulher sabe o que um comentário desses significa” e não tinha outra atitude a tomar. “Que ódio que me deu”, completou.

A ministra Kátia Abreu  ( que jogou vinho na cara de Serra), dizia ser da oposição, mas de repente passou a ser “amiguinha” de Dilma. Será que ela um dia será presidenta? Claro que não. Nem candidata…..

Deixar uma resposta