Delator acusa o filho de Lula

Preso desde o ano passado em Curitiba, Fernando Soares (o Baiano), acusado de ser um dos operadores do esquema de desvios na Petrobras, afirmou ao Ministério Público Federal ter feito pagamentos ao empresário Fábio Luís Lula da Silva, filho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Segundo o jornal ‘O Globo’ deste domingo (11), Fernando Baiano relatou, em acordo de delação premiada homologado pelo Supremo Tribunal Federal, o pagamento de aproximadamente R$ 2 milhões a Fábio Luís, filho mais velho de Lula. O valor teria sido destinado ao pagamento de despesas pessoais de Lulinha, como o empresário é conhecido.

Deixar uma resposta