Nota do PTB – Roberto Jefferson se defende

A Direção Nacional do PTB afirma que jamais participou de quaisquer negociações espúrias no Ministério do Trabalho e declara que, se for comprovado na Justiça o envolvimento de petebistas no referido esquema investigado pela Polícia Federal, os culpados, se houver, devem assumir suas responsabilidades perante a sociedade.

O PTB reitera apoio ao trabalho da Polícia Federal – ontem, hoje e sempre -, em especial neste grave momento da vida nacional.

Brasília, 30 de maio de 2018

Roberto Jefferson
Presidente Nacional do PTB

Mensagens de Roberto Jefferson no Twitter:

A Presidência do PTB apoia o trabalho da PF e reitera que não participa – e não participou – de quaisquer negociações espúrias no Ministério do Trabalho. E ratifica que caso seja comprovado envolvimento de petebistas no suposto esquema, cabe a eles assumir suas responsabilidades.

A revista Veja tenta me condenar antes que as investigações sejam concluídas, e age como se promotores eles fossem. Quem tiver contas a ajustar com a Justiça, repito, que segure o tranco. Não é o meu caso.

Veja” produziu matéria desconstruindo minha imagem, como se eu fosse o responsável por um esquema de irregularidades montado no Ministério do Trabalho para fraudar os cofres públicos. Assim como outros veículos, a revista me condena antes que as investigações sejam concluídas.

Assumi minhas responsabilidades, paguei o preço que a Justiça me cobrou e toquei a vida. De uma hora para outra, a minha palavra, reconhecida pelo procurador-geral Antônio Fernando de Souza na denúncia do mensalão como comprovadamente verdadeira, não vale mais.

Recebo com humildade as críticas que me foram dirigidas hoje; não me conformo é com sentenças peremptórias com base em suspeitas apenas, que, com o tempo, vão se revelar sem fundamento. E reitero: eu não participei de qualquer esquema criminoso no Ministério do Trabalho. Jamais!