Oposição protocola novo pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff

O protocolo de um novo pedido de impeachment contra a presidente da República Dilma Rousseff foi entregue na manhã desta quarta-feira (21/10) na Câmara dos Deputados. O documento é assinado pelos juristas Hélio Bicudo, Miguel Reale Júnior e Janaína Conceição Paschoal, com anuência dos movimentos Brasil Livre, Contra a Corrupção e Vem Pra Rua.

O pedido pede a saída de Dilma do cargo de presidente por conta da prática de crime de responsabilidade. Entre os fatos que embasam o novo texto estão informações oferecidas pelo Ministério Público, junto ao Tribunal de Contas da União (TCU), que comprovam que as chamadas “pedaladas fiscais”, que levaram o Tribunal de Contas da União (TCU) a rejeitar as contas do governo Dilma do ano passado, prosseguiram em 2015.

“O Brasil está mergulhado em profunda crise. Muito embora o governo federal insista que se trata de crise exclusivamente econômica, na verdade, a crise é política e, sobretudo, moral”, destaca o novo texto do pedido de impeachment.

Por unanimidade, o TCU rejeitou as contas do governo federal referentes a 2014 em razão das mesmas manobras contábeis que continuam sendo usadas este ano para maquiar as contas públicas.

Confira a íntegra do novo pedido de impeachment.

Deixar uma resposta