Sigilo de justiça: não foi criado para proteger reputação de investigados

OS PETRALHAS QUE SE DIZEM “Vítimas” de quebra de sigilo, não entendem OU fazem de conta que não entendem, QUE O SIILO JUDICIAL NÃO TEM O OBJETIVO DE PROTEGER A REPUTAÇÃO DE BANDIDOS.

O SIGILO É DECIDIDO OU REVOGADO PELA JUSTIÇA, POR INTERESSE DA JUSTIÇA ( PARA EVITAR FUGAS, DESTRUIÇÃO DE PROVAS ENTRE OUTROS MOTIVOS).

SE O JUIZ SÉRGIO MORO, QUEBROU O SIGILO ( PARA QUE O POVO SAIBA O QUE FAZ SEUS GOVERNANTES), NÃO TEM COMO O MINISTRO AMEAÇAR TROCAR A EQUIPE DA PF APENAS PELO CHEIRO E SEM SABER QUEM É O CULPADO, COMO ELE POLITICAMENTE, ILEGALMENTE E IDEOLOGICAMENTE AFIRMOU.
NINGUÉM PODE SER PUNIDO, TRANSFERIDO, SEM PROVAS.
O ÚNICO OBJETIVO DESSE MINISTRO PETRALHA QUE OCUPA O CARGO DE FORMA ILEGAL É DESTRUIR, PREJUDICAR A JUSTIÇA, A LAVA JATO.

Deixar uma resposta