Ataque de islamistas no Mali termina com 27 mortos

O ataque a um hotel de luxo em Bamako, capital do Mali, deixou 27 mortos, de acordo com informações preliminares passadas por funcionários das Nações Unidas que estão no local. Segundo o porta-voz da ONU Olivier Salgado, pelo menos dois agressores morreram.

Os reféns dentro do hotel Radisson Blu eram 140 hóspedes e 30 funcionários, de acordo com as informações do Rezidor Hotel Group, proprietário do estabelecimento.

A Al-Qaeda no Magreb (norte da África) e o grupo militante Morabetoun reivindicaram responsabilidade conjunta pelo ataque desta sexta-feira,

Deixar uma resposta