Gleise Hoffmann absolvida pela 2ª turma do STF

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria na noite desta terça-feira (19) para absolver a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), e o marido, o ex-ministro Paulo Bernardo, das acusações de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no âmbito da Operação Lava Jato.

GLEISE ABSOLVIDA (crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro ) 5 x 0.

Absolvida também pelo crime de Falsidade ideológica – Caixa Dois. 03 x 02

Edson Fachin se manifestou pela desclassificação do crime de corrupção passiva e mudou a tipificação para falsidade ideológica eleitoral, condenando Gleisi Hoffmann.apenas na acusação de caixa dois. Celso de Mello seguiu Fachin.

A única acusação que não existe unanimidade de absolvição entre os ministros é a da acusação de falsidade eleitoral ( caixa dois)

Com o voto de Gilmar, o placar ficou empatado. Dois votos pela absolvição de Gleisi Hoffmann do crime de falsidade ideológica eleitoral – Caixa dois. ( Gilmar e Toffoli) e dois pela condenação. ( Fachin e Celso de Melo).

Lewandowski desempatou em favor da absolvição. acompanhando Toffoli e Gilmar Mendes., formando a maioria.

Gleise também absolvida por 03 x 02 pela acusação de caixa dois. Falsidade eleitoral.

Os réus Paulo Bernardo e Ernesto Kugler foram absolvidos de todas as acusações por 05 x 0

Obs: O crime de caixa dois é crime eleitoral e não penal.