A culpa é dos governadores?

A culpa é dos governadores?

O presidente Bolsonaro e seus grupos fake news de apoiadores, deseja culpar o STF e  os governadores e prefeitos pelas mortes de Covid no Brasil  como se ele estivesse isento de qualquer responsabilidade.

Seus apoiadores usam fake news tipo: ” O STF tirou de Bolsonaro o poder de coordenar medidas de saúde durante pandemia, passando para governadores e prefeitos”. ISSO É MENTIRA.

A decisão do STF de reafirmar a autonomia concedida pela Constituição aos governadores e prefeitos de abrir ou fechar estabelecimentos comerciais  não retira a obrigação e responsabilidade do governo federal ( Ministério da Saúde) de por em prática ações para reduzir a contaminação e evitar mortes, mas o governo fez o contrário. SUAS AÇÕES AUMENTARAM AS MORTES.

Na manhã de 29/04/2020, o presidente voltou a dizer, apesar das evidências em contrário, que “os países que fizeram isolamento horizontal foi onde morreu mais gente.”

Bolsonaro desejava reabrir todas as atividades em todo Brasil. Isso aumentaria aglomerações, contaminações e mortes. O governo federal tem sim a obrigação de fazer campanhas educativas para a população, apoiar os prefeitos e governadores no combate a epidemia; ele usa o número de mortes de forma política.

Diz a Folha de São Paulo em 10/08:

“O Palácio do Planalto distribuiu a partidos da base aliada no Poder Legislativo uma espécie de ranking dos governos estaduais e municipais que apresentam o maior número de mortes e casos do novo coronavírus. O documento, produzido pela Secretaria de Governo com dados do Ministério da Saúde, associa a contaminação pela doença a governadores e prefeitos, muitos deles adversários do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).”

O presidente  é omisso e usa o número de mortes para proveito político, como se ele não tivesse nenhum responsabilidade no combate a epidemia.

AÇÕES DE BOLSONARO QUE AUMENTARAM O NÚMERO DE MORTES:

Bolsonaro fez aglomerações espalhando o vírus

Deu mal exemplo saindo nas ruas sem máscara

Não liberou verbas que já estavam disponíveis

Não entregou todos os equipamentos disponíveis em estoque

Vetou a lei que proibia o uso de máscaras

Receitou cloroquina. Remédio inútil não aprovado pela ciência no combate a Covid 19

Demonstrou desprezo, descaso e falta de sentimentos com as vítimas da doença. Morram? E DAI ? Todo mundo um dia vai morrer.

Sempre desejou a abertura de tudo e o fim precoce da quarentena parcial existente

Construiu apenas um hospital federal de Campanha,,, após 4 meses da epidemia

Debochou da doença chamando de “gripizinha” e isso influenciou milhares de brasileiros pouco alfabetizado a não toma os cuidados necessários para evitar a doença.

Demitiu dois ministros da Saúde. Ambos médicos. E Fez isso porque eles se recusaram a apoiar o uso de um remédio não aprovado pela ciência  e até o momento o MINISTÉRIO DA SAÚDE NÃO TEM MINISTRO DA SAÚDE. Tem um general, ministro interino que nada entende de saúde.

Os filhos, ministros que ele apoiava ou apoia, criticaram  a China, maior parceiro comercial do Brasil e fabricante de 90% dos equipamentos de proteção do mundo. Em consequência, o Brasil foi boicotado e recebeu uma quantidade insuficiente de aparelhos respiradores e seus insumos.

Bolsonaro NÃO fez Campanha publicitária para educar a população; Além disso, o Brasil é um dos países que menos testa no mundo.

Jorge Roriz