A Importância de traçar metas para 2023

Psicóloga ressalta a importância de traçar metas possíveis para 2023

Barbara Santos, especialista da Holiste Psiquiatria, ensina que é preciso ter os pés no chão na hora de planejar o próximo ano para evitar frustrações

Para muitas pessoas, criar uma lista de metas para o próximo ano já é uma tradição. Já para outras, a ideia gera ansiedade. Para a psicóloga Bárbara Santos, especialista da Holiste Psiquiatria, estabelecer os objetivos para o novo período pode ser um bom exercício para refletir sobre os próprios desejos, mas é preciso ser realista na hora de traçar o que se deseja alcançar, porque tão importante quanto elencá-las, é a possibilidade de cumpri-las.

“Antes de tudo é preciso se perguntar sobre o sentido que se dá ao ano que está começando e ao que está se encerrando. Qual o sentido dessas metas? Para qual direção elas apontam? Em segundo lugar, os objetivos precisam ser realizáveis. É tentador colocar metas supercomplexas, mas o planejamento deve ser executável para que não se torne apenas uma ideação”, elabora.

Do ponto de vista da saúde mental, a psicóloga ainda aponta que colocar os pés no chão na hora de traçar os planos para 2023 facilita cumprir os objetivos no próximo ano, o que traz um senso de compensação e de incentivo. “A dica é, elabore o passo a passo para conquistar o que se almeja, por exemplo: se quer mudar de emprego, também indique que uma meta é se candidatar a mais vagas, aumentar o networking, fazer um curso de capacitação, entre outras medidas pontuais”, explica.

Quando o assunto é saúde mental, a informação é o primeiro passo do tratamento. Para saber mais sobre o tema, acesse: https://holiste.com.br/

Sobre a Holiste 

A Holiste é uma clínica de excelência em saúde mental, criada há 20 anos pelo médico psiquiatra, Dr. Luiz Fernando Pedroso, sediada em Salvador, Bahia, com atendimento nacional. Na sede principal, localizada em Salvador, funcionam os serviços ambulatorial e de internamento psiquiátrico. A estrutura da clínica conta, ainda, com o Hospital Dia (destinado à ressocialização do paciente) e com a Residência Terapêutica (moradia assistida para pacientes crônicos), dispondo sempre de estrutura e tecnologia de ponta. 

A instituição conta com mais de 200 profissionais, um corpo clínico composto por médicos psiquiatras, psicólogos, terapeutas ocupacionais, enfermeiros, técnicos de enfermagem, fisioterapeutas, nutricionista, gastrônoma, dentre outros. Para conhecer mais sobre os serviços da Holiste, acesse o site www.holiste.com.br.