Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

A mulher de Cabral

 

LULA, MARISA, ADRIANA ANCELSO CABRAL

De acordo com a ex-secretária de Adriana Ancelmo, apenas a ex-primeira-dama do Rio recebia até R$ 300 mil, semanalmente, entre 2014 e 2015, de propina paga por empreiteiras, em repasses feitos por um dos operadores do esquema.

A empreiteira afirma que o esquema de Cabral cobrou R$ 30 milhões de propina, dos quais R$ 7 milhões teriam sido efetivamente pagos.

A empreiteira afirma que o esquema de Cabral cobrou R$ 30 milhões de propina, dos quais R$ 7 milhões teriam sido efetivamente pagos.

Cerca de cem peças, provavelmente joias, foram encontradas na casa de Cabral e de sua mulher, Adriana Ancelmo, no Leblon, na última terça-feira.