Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

A variante Delta se espalha pelo mundo

As variantes da Covid 19, preocupam todos os países, porque pode surgir uma ou mais variantes que não sejam cobertas pelas vacinas. As mais predominantes são a Alfa no Reino Unido, A Beta na África do Sul, a Gama ou P1 Do Brasil, mas de todas a que mais preocupa e a variante Delta da Índia. Ela surgiu na Índia em outubro de 2020 e de acordo com a OMS, circula em, pelo menos, 92 países.

A Delta infecta precisando de menos carga viral e de forma mais rápida.

No Brasil, já ocorreu duas mortes fatais, a de uma mulher grávida de 42 anos anos que veio do Japão para o Paraná e um dos tripulantes do navio indiano que atracou no Maranhão. um indiano de 54 anos.

No momento a delta foi identificada no Brasil nos estados de; Maranhão, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Goiás.
Embora sua transmissão comunitária ainda não tenha sido detectada no território nacional, a cepa pode se tornar dominante.
Infelizmente no Brasil os testes genômicos são poucos e por isso é possível que a variante Delta esteja em vários estados que ainda não foram detectados.

Um estudo recém-publicado na renomada revista científica Cell, realizado pela Universidade de Oxford, no Reino Unido, que contou com a colaboração científica de 59 pesquisadores incluindo da Fundação Oswaldo Cruz, concluiu que a variante Delta, pode aumentar o risco de reinfecções da Covid-19. Normalmente na segunda vez ocorre casos mais graves.

 

Na Inglaterra, embora já tenha 805 da população vacinada com a primeira dose, e 40% com a  segunda dose, os casos aumentaram em razão da predominância da variante Delta. Na Inglaterra existe um aumento de internações principalmente entre crianças e adolescentes;

Não se sabe se é por causa da vacinação ser maior em pessoas mais idosas ou se é uma característica da Delta afetar pessoas mais jovens. A variante altamente contagiosa está causando uma acentuada aceleração na taxa de infecção.

Na última contagem, a incidência de sete dias no Reino Unido estava acima de 120 casos por 100 mil habitantes, um aumento de quase 60% em relação à semana anterior. Os números de internações e mortes hospitalares também já estão subindo. E ela já é responsável por 90% dos casos na Inglaterra.  Em Portugal, a delta já é responsável por 50% das novas infecções.

A população brasileira  precisa colaborar mantendo as medidas de prevenção e comparecendo aos postos de saúde, principalmente quem ja tomou a primeira dose, e está atrasado para tomar a segunda dose somente com a imunização com duas doses de 70% da população, podemos vencer a pandemia. As variantes colocam e risco, todo o esforça para a vacinação.

A vacinação no Brasil embora lenta, já começa a dá resultados com a redução da média móvel de casos. As variantes surgem devido a alta taxa de transmissão e cabe a população ajudar para que possamos reduzir o numero de casos e mortes a cada dia.

Jorge Roriz