Após colocar silicone no rosto, Juju reclama que está sendo chamada de Fofão

Após colocar silicone no rosto, Juju reclama que está sendo chamada de Fofão

Juju Oliveira, gaucha  de 30 anos, moradora de Passo Fundo, no interior do Rio Grande do Sul, pede ajuda e reclama  de bullying que vem sofrendo por ter colocado silicone no rosto. O resultado do procedimento não ficou bom.

Ela publicou um vídeo em seu Facebook no dia 17 de agosto, relatando que fez o procedimento com silicone industrial em 2017 e até hoje sofre  por conta do resultado.

“Eles passam e me chamam de Fofão. Eu era uma pessoa como qualquer outra, aí eu fui inventar de fazer isso no rosto: silicone. Aí deu no que deu. Inchou e ficou desse jeito. Foi um erro meu”, lamenta. “Eu só estou querendo um pouco de respeito. Sou uma travesti de 30 anos. Sou natural de Passo Fundo, sempre morei aqui. Quero pedir um pouco mais de respeito”.

Caberia o pagamento de uma indenização do médico que fez a aplicação de silocone e ela precisa fazer outra cirurgia para consertar o erro.