As quentinhas do dia – Queiroz, Bolsonaro, milícia

“Flávio Bolsonaro teve 1 ano e 2 meses para sumir com as provas que envolvem ele e a família no esquema de corrupção conhecido como “rachadinha”. O mandante do assassinato de Marielle já teve 1 ano e 9 meses para fazer o mesmo. O MP e a PF estão fingindo que investigam a milícia.”

QUEIROZ RECEBEU R$ 2 MI EM 483 DEPÓSITOS DE ASSESSORES DE FLÁVIO BOLSONARO. Dados das quebras de sigilo bancário obtidos pelo Ministério Público do Rio.

Parentes de ex-mulher de Bolsonaro sacaram R$ 4 milhões da Alerj.