Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

As sequelas dos “curados” da Covid 19

AS SEQUELAS DA COVID

Nem todos os curados de covid apresentam sequelas, mas os que tem sequelas tem sérios problemas. Segundo a organização pan americana da saúde em uma alerta epideomologico publicado em 12 de agosto. A principal sequela nos pacientes que tiveram quadro clínico grave de COVID-19 é a fibrose pulmonar. Também foram identificadas miocardite (que é a inflamação do tecido muscular do coração. insuficiencia cardíaca; declínio cognitivo de longo prazo, fadiga e a encefalopatia (um termo amplo que abrange qualquer doença cerebral que altera o funcionamento ou a estrutura do cérebro causando a diminuição da capacidade de raciocinar e de se concentrar, perda de memória e alterações de personalidade.

Outras sequelas já identificadas por especialistas:
Insuficiência Hepática,disturbios vasculares que podem levar a uma amputaçao, dificuldades de digestão e problemas nos rins,dores no ouvido, disturbios na fala e dificuldades nas articulações.

Na Inglaterra foi criado um grupo de pessoas com sequelas da Covid 19,chamado de SOS Covid longa duração. O grupo lançou uma campanha pressionando o governo para fazer pesquisas e apoiar os pacientes com sequelas.

Em média as sequelas podem durar de quatro a cinco meses,mas podem se prolongar por mais tempo. As jovens que não possuiam cormobidades também podem ter sequelas.

Os que ficaram com sequelas terão dificuldades para trabalhar com perda para a economia do país alem de sobrecarrgar o sistema público de saúde.

É preciso que o governo garanta o atendimento dos recuperados que apresentem sequelas e disponibilize fisioterapia e reabilitação nas unidades do SUS.

Diante do perigo da morte e a possibilidade das sequelas para os recuperaddos,o melhor que o leitor pode fazer é seguir as recomendações de lavar as mãos,usar máscaras e se manter em distanciamento. Das tres recomendações a que meno é pratica é o distanciamento. Aglomerações nas ruas,praias,filas,feiras e outros lugares,ocorrem com frequencia.
O distanciamento deve ser no mínimo de um metro. Siga as recomendações preventivas e evite a contaminação.

AS SEQUELAS DA COVID

Nem todos os curados de covid apresentam sequelas, mas os que tem sequelas tem sérios problemas. Segundo a organização pan americana da saúde em uma alerta epideomologico publicado em 12 de agosto. A principal sequela nos pacientes que tiveram quadro clínico grave de COVID-19 é a fibrose pulmonar. Também foram identificadas miocardite (que é a inflamação do tecido muscular do coração. insuficiencia cardíaca; declínio cognitivo de longo prazo, fadiga e a encefalopatia (um termo amplo que abrange qualquer doença cerebral que altera o funcionamento ou a estrutura do cérebro causando a diminuição da capacidade de raciocinar e de se concentrar, perda de memória e alterações de personalidade.

Outras sequelas já identificadas por especialistas:
Insuficiência Hepática,disturbios vasculares que podem levar a uma amputaçao, dificuldades de digestão e problemas nos rins,dores no ouvido, disturbios na fala e dificuldades nas articulações.

Na Inglaterra foi criado um grupo de pessoas com sequelas da Covid 19,chamado de SOS Covid longa duração. O grupo lançou uma campanha pressionando o governo para fazer pesquisas e apoiar os pacientes com sequelas.

Em média as sequelas podem durar de quatro a cinco meses,mas podem se prolongar por mais tempo. As jovens que não possuiam cormobidades também podem ter sequelas.

Os que ficaram com sequelas terão dificuldades para trabalhar com perda para a economia do país alem de sobrecarrgar o sistema público de saúde.

É preciso que o governo garanta o atendimento dos recuperados que apresentem sequelas e disponibilize fisioterapia e reabilitação nas unidades do SUS.

Diante do perigo da morte e a possibilidade das sequelas para os recuperaddos,o melhor que o leitor pode fazer é seguir as recomendações de lavar as mãos,usar máscaras e se manter em distanciamento. Das tres recomendações a que meno é pratica é o distanciamento. Aglomerações nas ruas,praias,filas,feiras e outros lugares,ocorrem com frequencia.
O distanciamento deve ser no mínimo de um metro. Siga as recomendações preventivas e evite a contaminação.