Ataque cibernético global com pedido de resgate

Um ataque cibernético em vários países que envolve um pedido de resgate. Em Portugal, a PT foi um dos alvos atingidos. A espanhola Telefónica deu ordens para os computadores serem desligados. Vários hospitais no Reino Unido foram igualmente afeta

Foi o maior  ciberataque  do planeta

Grandes empresas como a PT, a EDP e a NOS, foram afetadas.

Uma grande parte dos hospitais do Reino Unido também está a ser alvo deste ataque cibernético. Muitos tiveram que reencaminhar doentes urgentes para outras unidades hospitalares.

O Ministério da Indústria espanhol, que supervisiona o Instituto Nacional de Segurança Cibernética Espanha (INCIBE), reconheceu em comunicado que “o ataque afetou computadores de funcionários de várias empresas”, mas “não afeta o fornecimento serviços, ou o funcionamento das redes ou usuários de tais serviços”.

É feito um pedido de resgate para os utilizadores recuperarem os ficheiros de 300 dólares (por computador atingido) em bitcoins, a moeda virtual da internet.

O prazo de pagamento é o dia 19 de maio com a ameaça que os ficheiros serão apagados.

 

“Responsáveis norte-americanos da segurança e das informações tornaram hoje públicas as suas dúvidas sobre o gigante da segurança informática Kaspersky Lab, devido aos seus alegados laços com os dirigentes russos.

Esta empresa privada, sedeada em Moscovo, vende antivírus e outros programas informáticos para proteção dos computadores contra ações de pirataria, mas alguns receiam que estes instrumentos, pelo contrário, sirvam para espiar.” (RTP.notícias.PT)

Leave a Reply