Barroso indeferiu a candidatura de Lula e proíbe Campanha

BARROSO INDEFERIU A CANDIDATURA DE LULA.
FALTA OS OUTROS VOTOS

Ocorreu uma tentativa de adiar o julgamento para terça ou quinta-feira, mas prevaleceu a maioria.

O julgamento prossegue.

O primeiro a votar é relator, ministro Luís Roberto Barroso que será seguido de Edson Fachin, Jorge Mussi, Og Fernandes, Admar Gonzaga, Tarcisio Vieira e, por fim, a presidente da Corte, ministra Rosa Weber.

Na opinião de Barriso, após a decisão do TSE, não estará subjúdice,
Lula não pode participar de Campanha e não pode ter seu nome na urna.