Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

BARROSO NEGA LIMINAR CONTRA VOTAÇÃO DA PEC QUE LIMITA GASTOS PÚBLICOS

O ministro Luis Barroso, do Supremo Tribunal Federal, negou liminar solicitada por deputados do PT e do PCdoB que pretendiam impedir a votação da PEC 241, que fixa teto de gastos do setor público.
Os partidos representavam, na iniciativa, os setores que mais se beneficiam da farra nos gastos públicos, com salários elevados e privilégios como “auxílio-moradia” escandalosamente elevado, não desistem de impedir a aprovação da proposta de emenda constitucional que estabelece limites na gastança.

Eles alegam agora “violação à separação de Poderes”. A Procuradoria Geral da República também se associou à resistência corporativista, emitindo “nota técnica” contra a medida.