Bolsonao Fake News - Corregedor eleitoral determina abertura de ação para investigar denúncia

O corregedor-geral eleitoral, ministro Jorge Mussi, determinou há pouco a abertura de ação para investigar denúncias de suposto abuso econômico por parte da campanha do candidato Jair Bolsonaro (PSL). Empresas teriam financiado o envio em massa de material de campanha via aplicativos de mensagens.

A defesa de Bolsonaro terá 5 dias para de manifestar na investigação, que seguirá curso normal, além disso, o ministro rejeitou pedidos de busca e apreensão e quebras de sigilo. Fontes do TSE avaliam que o objetivo da decisão é “baixar a fervura” e afastar o Judiciário de protagonismos que interfiram nas eleições.