Bolsonaro dá entrada no Hospital das Forças Armadas

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) deu entrada nesta noite (30) no Hospital das Forças Armadas (HFA), em Brasília. Segundo a assessoria do Palácio do Planalto, “não há cirurgia”. A ida de Bolsonaro ao hospital não havia sido divulgada por sua equipe mais cedo, nem constava da agenda oficial. Ele teria uma avaliação médica já programada, segundo fontes do governo. De última hora, Bolsonaro cancelou o compromisso semanal que tem às quintas à noite, a transmissão por sua página de Facebook. Nenhuma razão foi apresentada. No início de janeiro, o chefe do Executivo passou pelo mesmo hospital para “exames de rotina”, informou o Planalto na ocasião.

Ele está no oitavo andar da unidade de saúde, onde fica a ala de cirurgia. O PRESIDENTE SE QUEIXOU DE DORES NO ABDOME.

Bolsonaro passou por exames no Hospital das Forças Armadas.
O presidente reclamou de dores no abdômen, na região onde foi instalada uma tela para correção da hérnia que se formou com a facada.
O presidente já deixou o hospital.

A agenda do presidente não prevê, até o momento, compromissos oficiais para a sexta-feira, 31.

Em dezembro do ano passado, Bolsonaro já havia sido hospitalizado após cair no banheiro do Palácio da Alvorada. Na ocasião, ele ficou em observação por cerca de um dia, após bater a cabeça, e teve alta sem complicações.