Bolsonaro nomeia amigo da família que vai investigar a família

O presidente Jair Bolsonaro, nomeou para o para o comando da Polícia Federal,  o delegado Alexandre Ramagem Rodrigues, que comandou a sua segurança pessoal depois da facada. Ramagem estava na chefia da Abin (Agência Brasileira de Inteligência) — subordinada ao Gabinete da Segurança Institucional (GSI), cujo titular é o general Augusto Heleno — desde maio do ano passado…

o Diretor da PF sendo amigo íntimo da família Bolsonaro, é suspeito para investigar a família amiga. A nomeação fere o princípio da impessoalidade.

Segundo as acusações de Moro, Bolsonaro estaria especialmente preocupado com duas investigações que estão no STF que apuram, respectivamente, a indústria de fake news contra o Supremo e a organização de atos em favor do fechamento do Congresso e do Supremo.

A Rede, entrou com uma ação na justiça para anular a exoneração de   Maurício Valeixo   e  a nomeação de  Alexandre Ramagem

Clique aqui