Bolsonaro próximo de ser preso

A homologação da delação do ex-ajudante de Ordens do ex- presidente Bolsonaro, significa que existem provas robustas contra Bolsonaro.

O STF não faria uma homologação de uma delação sem provas, ( como fazia a Lava Jato) e pela lei das delações, o delator é obrigado a delatar um superior hierárquico.

O a”advogado” de Bolsonaro, disfarçado de procurador Geral da República, disse que não vai reconhecer a delação.  Arras sempre agiu protegendo Bolsonaro e até tentou processar  jornalistas que se atreveram, a afirmar isso.  Aras ignora que já existe jurisprudência no STF, que permite a delação feita sem passar pelo PGR( feita pela Polícia Federal).Como pode um procurador da República, ignorar uma jurisprudência do STF?

Nas maiores falcatruas envolvendo Bolsonaro, Mauro Cid está sempre presente, portanto, ele sabe de todos os podres do ex- presidente.

Diante das provas, Bolsonaro, mais cedo ou mais tarde, vai ser condenado a prisão.

 

Jorge Roriz

JORGE RORIZ