Bolsonaro reage as críticas de Malafaia

Bolsonaro reage as críticas de Malafaia

Sem citar o nome de forma direta o presidente Bolsonaro rebateu as críticas do pastor Malafaia.

Jair Bolsonaro se mostrou magoado na manhã desta sexta-feira (2) com as críticas do pastor Silas Malafaia – a quem se referiu como “autoridade lá do Rio de Janeiro” – pela escolha do desembargador Kassio Nunes Marques para ocupar o posto de Celso de Mello no Supremo Tribunal Federal (STF). Ao indicar o magistrado católico, Bolsonaro descumpriu a promessa de nomear um “juiz terrivelmente evangélico” para a corte.

“Eu lamento muito uma autoridade lá do Rio de Janeiro que eu prezava muito e que está me criticando com videozinhos, me xingando de tudo quanto é coisa”, disse Bolsonaro na saída do Palácio da Alvorada. “Esta autoridade do Rio de Janeiro queria que indicasse um dele, devem saber de quem eu estou falando, né? Tem vários vídeos aí, uma pessoa que ainda diz que tem Deus no coração”, completou.