Bolsonaro vai tentar enganar o mundo?

O sujeito desprezou ajuda de milhões de euros para ajudar no combate aos incêndios na Amazônia, demitiu pessoas de orgãos fiscalizadores (FUNAI, IBAMA, INPE) que são comprometidas com o Meio Ambiente para colocar pessoas que não não defendem o Meio Ambiente, disse que não assinaria o acordo de Paris, chamou o cientista do INEP respeitado em todo o mundo de mentiroso, tentou de forma ilegal após ser derrotado no Congresso, reeditar MP para retirar a FUNAI do controle do Ministério da Justiça, despreza os índios, No seu governo teve aumento de 84% de desmatamentos comparado ao mesmo período do ano passado, NA ONU VAI DIZER QUE DEFENDE A NATUREZA.

No discurso que fará na ONU, o presidente Bolsonaro vai falar que está combatendo as queimadas.  Isso até pode ser verdade, mas todo o mundo sabe que ele passou a tomar alguma providência após a pressão internacional e da ministra do Meio Ambiente que o advertiu que o Brasil teria sérios problemas nas exportações de seus produtos do agronegócio, por boicote internacional.

Agora ele mantém um ar moderado e um discurso em defesa do Meio Ambiente, mas o presidente REDUZIU as verbas e as fiscalizações,  chamou o cientista brasileiro diretor do INEP de mentiroso, e retirou funcionários de órgãos estratégicos que combatiam o desmatamento e o desrespeito à natureza por pessoas ligadas a ele que dá pouca importância ao Meio Ambiente.

Impediu a destruição de tratores de desmatadores como  estabelece a leI, e desprezou as verbas que o Brasil recebia da Alemanha e da Noruega.

Além disso, as medidas tomadas ainda são tímidas em comparação ao problema que é uma ameaça a humanidade. (PERDA DA FLORA E FAUNA).

Nos governos anteriores os desmatamentos já foram maiores e ocorreram redução gradativa a cada ano. Mas nenhum dos governantes duvidou dos números dos institutos de pesquisas ( inclusive confirmados pela NASA e outros organismos internacionais..

Bolsonaro fez um TERRÍVEL estrago na IMAGEM do Brasil, com suas declarações desprezando a importância de se preservar o Meio Ambiente e pelos índios e ONGS que trabalham em defesa do Meio Ambiente.

O governo inclusive tentou RETIRAR A FUNAI (Fundação Nacional dos  índios)  do controle do Ministério da Justiça e colocar o controle para o Ministério da Agricultura. Perdeu na votação do Congresso  e mesmo assim, de forma ilegal, refez a Medida Provisória e foi derrubado por decisão do Supremo Tribual Federal.  Um exemplo claro de tentativa política de desprezar os índios.

Bolsonaro pretende mudar as leis para que possa ocorrer EXPLORAÇÃO ECONÔMICA nas terras indígenas.

Respondendo ao título do artigo. NÃO. Bolsonaro não vai enganar ninguém. SUA IDEOLOGIA DE EXTREMA DIREITO DÁ POUCA IMPORTÂNCIA A NATUREZA.

Outro sinal claro de desprezo ao MEIO AMBIENTE. Na Campanha eleitoral, Bolsonaro afirmava que sendo eleito NÃO assinaria  o acordo do clube de Paris. ( que é uma condição essencial para fazer parte do acordo entre o Mecusul e a União Européia, tão comemorado como uma conquista do governo……..

É verdade que as queimadas ocorrem todos os anos, MAS  90% FORAM CAUSADAS POR AÇÃO DO HOMEM E DE FORMA CRIMINOSA, E NÃO DA COMBUSTÃO CAUSADA PELO AUMENTO DE TEMPERATURA.

E sabem por que essas queimadas aumentaram 84% no governo Bolsonaro ? POR QUE ELE REDUZIU DRASTICAMENTE A FISCALIZAÇÃO E AS VERBAS DOS ÓRGÃOS QUE PROTEGEM A NATUREZA.

Jorge Roriz

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.