Brasil caminha para uma crise fiscal que vai paralisar a economia

Brasil caminha para uma crise fiscal que vai paralisar a economia

“A política fiscal está convidando a uma crise da dívida”, diz relatório do Deutsche Bank, (Banco Alemão) divulgado pelo jornal o Estadão.

“O tempo (para uma crise fiscal) é difícil de determinar. Esses eventos normalmente demoram muito para acontecer, mas podem desdobrar mais rápido do que o esperado. ”A tensão no mercado aumentou com impasse em torno do financiamento do Renda Cidadã, pensado para substituir o Bolsa Família,

As divergências no governo sobre a flexibilização do teto de gastos (regra que proíbe que as despesas cresçam em ritmo superior à inflação) colocam em alerta os investidores e aumenta a fuga do capital estrangeiro.

O desejo de Bolsonaro de atender ao populismo sem responsabilidade com o futuro visando apenas sua reeleição, preocupa os bancos.
Para ter despesas fixas precisa de receitas. Ele não pode cortar benefício e a população não está disposta a pagar mais impostos. A saída é retirar despesas ineficientes. Mas o ministro da economia está sem rumo.