COB é suspenso do movimento olímpico e Nuzman, afastado do COI

O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou que o Comitê Olímpico Brasileiro ( COB ),está suspenso temporariamente, afasta Carlos Arthur Nuzman e corta todos os repasses ao Brasil, inclusive para sanar o deficit deixado pelos Jogos Olímpicos.

O Ministério Público da Suíça vai avaliar a partir desta sexta-feira, 6, o pedido de cooperação para investigar e bloquear as contas do presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB), Carlos Arthur Nuzman, em Lausanne e Genebra. Nuzman mantem 16 quilos de ouro em um cofre  na Suíça.

Ele está suspenso provisoriamente de todos os seus “direitos, prerrogativas e funções derivadas de seu cargo de membro de honra do COI”. Nuzman também está afastado da Comissão de Coordenação dos Jogos de 2020, em Tóquio.

ISSO É UMA VERGONHA PARA O BRASIL. SER ESCOLHIDO COMO SEDE ATRAVÉS DE FALCATRUA. É OBRA DO LULUPETISMO.

Leave a Reply