Cobertura da guerra de facções no Rio Grande do Norte

A energia elétrica foi restabelecida no presídio.
Segundo fontes não confirmadas, são 25 mortos e não dez como foi informado pela assessoria da PM.
Juiz Esmar Filho :. “Tudo que foi encontrado nas outras unidades encontramos aqui, mas em uma proporção bem maior: superlotação, falta de higiene, celas escuras e abafadas, falta de manutenção, de assistência material, do básico de higiene e limpeza. Um local totalmente insalubre e inapropriado para a segurança do preso. Há fossas abertas em quase todos os pavilhões. É difícil respirar lá dentro, ainda mais poder se alimentar