Contratar militares para o INSS é legal?

O governo anuncia hoje medidas para agilizar os pedidos. O prazo legal é de 45 dias. Uma das medidas, antecipadas pelo presidente Jair Bolsonaro, é convocar militares de reserva para trabalhar no atendimento das agências recebendo documentos no lugar de funcionários do INSS. O governo reclama da redução no número de servidores do quadro normalmente responsáveis pela análise desses pedidos.

Se os militares trabalhassem de graça seria uma boa medida, mas se ele serão remunerados a contratação é ilegal.  PARA TRABALHAR NO INSS PRECISA FAZER CONCURSO PÚBLICO.

O PÉSSIMO ATENDIMENTO E GIGANTESCA FILAS É FRUTO DE MILHARES DE FUNCIONÁRIOS APOSENTADOS. EXISTE UM GRANDE DÉFICIT DE FUNCIONÁRIOS  E  O MINISTRO DA ECONOMIA, PAULO GUEDES , NÃO QUER REALIZAR CONCURSOS PÚBLICOS. O DÉFICIT DE FUNCIONÁRIOS CHEGA A SETE MIL,