Destaques - CPI da Covid

Nesta terça-feira, o presidente da Agencia de vigilancia sanitária, (ANVISA), Antônio Barras Torres,  prestou depoimento na CPI.

Destaques:

Barra  Torres afirmou que no mundo não existe estudo que comprove a eficácia da cloroquina para a Covid.

Apesar de falar sobre o quanto ficou irritado com a ideia de mudar a bula da cloroquina, Barra Torres não apontou, na prática, quem foi o autor da sugestão.”Não tenho a informação de quem foi o autor. A Dra Nise falou como se estivesse mobilizada nisso mas não sei quem é o autor”

PRESIDENTE DA ANVISA, CONFIRMA DEPOIMENTO DE MANDETTA, SOBRE O DESEJO DE MUDAR A BULA DA CLOROQUINA, mas não informa de quem foi a ideia.

Antônio Torres disse que  Dra. Nise Yamaguchi,  foi a favor da mudança da bula da cloroquina.

“A VACINA É ESSENCIAL”. TORRES DISCORDA DAS DECLARAÇÕES DO PRESIDENTE CONTRA AS VACINAS.

“A população não deve se orientar por essas declarações, diz Barra Torres sobre a campanha do presidente contra as vacinas”

‘”da Sputnik V depende de mais documentos’, diz diretor-presidente da Anvisa na CPI da Covid”

Torres diz que é a favor do uso de máscaras e contra aglomerações. Ele discorda das ações do presidente Bolsonaro que são contrárias a ciência.

“A população não deve se orientar dessa maneira”, diz presidente da Anvisa sobre falas de Bolsonaro.

Presidente da Anvisa está sendo técnico e contra negacionismo do presidente. Não foge de perguntas.

“O assessor do presidente deve ser ministro da Saúde, nada pior do que ter outras pessoas orbitando com outras opiniões”, Barra Torres.

Foi um ato inadequado”, diz presidente da Anvisa, sobre presença em manifestação pró-Bolsonaro

“Queiroga tem que voltar aqui; Ele dizia não posso emitir juízo de valor. O governo expós o povo brasileiro a doença e a morte, afirmou o Senador, Humberto Costa.

“Destarte a amizade que tenho pelo presidente, a conduta do presidente difere da minha neste sentido. As manifestações que faço têm sido no sentido do que a ciência determina”, afirmou Barra Torres.