Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

Daniel Silveira, preso, terá direito a 45 minutos para se defender por videoconferência

Aliados do deputado bolsoanrista, Daniel Silveira, planejavam que o deputado pudesse ir se defender no plenário de forma presencial.

Ocorre que havia necessidade do  presidente da Câmara Arthur Lira, enviar para o Supremo Tribunal Federal (STF) um pedido para que a Corte avalizasse a medida. ( E LOGICAMENTE ESSE PEDIDO ABSURDO SERIA NEGADO) Segundo técnicos do STF, nenhum pedido de defesa presencial havia sido protocolado até as 14h30. Lira não se pronunciou sobre o assunto.

Silveira vai se defender por videoconferência, no local onde está preso, no Rio. Durante a sessão, ele terá direito a três falas, cada uma com quinze minutos. totalizando 45 minutos.