Deputados colhem assinaturas para criar a CPI do tratoraço

O escândalo de corrupção envolvendo Bolsonaro, denunciado por reportagem do Estadão, revela que  o presidente fez um orçamento paralelo com a compra de tratores de valores superfaturado para liberar verbas de emendas e poder comprar o apoio do Centrão.

O caso será alvo de investigação no Ministério Público e no Tribunal de Contas da União (TCU). Deputados já começaram a coletar assinaturas para a criação da “CPI do Tratoraço”. É necessário o apoio de 171 parlamentares para que o requerimento chegue ao presidente da Câmara, Arthur Lira (Progressistas-AL)

O senador e relator da CPI da COVID, Renan Calheiros, afirmou : “O presidente acha que vai se blindar pelo orçamento. Nunca se viu na questão orçamentária o que está acontecendo hoje”, .

Os R$ 3 bilhões que estão chamando de “orçamento secreto” em emendas p/ a base do Congresso, inclui a compra de tratores c/ preços até 259% acima dos valores de referência,