Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

Devolve o brinco querida

De acordo com informações do site O Diário do Poder,  do jornalista Cláudio Humberto, a Operação Lava Jato está investigando um presente recebido pela ex- presidente, Dilma Roussef. Trata-se de  um par de brinco Tiffany’s no valor de R$ 75.000,00.

Presentes recebidos durante o exercício do cargo de presidente com valor  acima de R$ 100 deve ser incorporado ao Patrimônio da União.

Foram ministros de Dilma e são senadores: Gleisi Hoffmann (PT-PR), Eduardo Braga (PMDB-AM), Edison Lobão (PMDB-MA), Fernando Bezerra (PSB-PE).

A investigação está sendo feita de forma sigilosa e não sabemos o nome do  presenteador (a).

Comunistas condenam o capitalismo, mas adoram presentear bens caros que só o capitalismo pode oferecer. E o pior: fazem isso muitas vezes com dinheiro alheio.
O “presentinho” precisa ser incorporado ao patrimônio público da União, junto com outros bens encontrados nas “tralhas” dos 14 caminhões que fizeram a mudança de Lula para o sítio além dos bens que foram guardados em um cofre no Banco do Brasil. Não pertencem aos ex- presidentes.

Brasília- DF 11-03-2016 . Foto Lula Marques/Agência PT.

JR