Fachin poderá liberar para a imprensa os vídeos com depoimentos de delatores

Advogados de grande parte dos 78 executivos e ex-executivos da Odebrecht tentam evitar que os vídeos em que os delatores prestam depoimento ao Ministério Público Federal sejam divulgados à imprensa.

o ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), deve rejeitar os  pedidos dos advogados de delatores.

De acordo com o ministro Fachin. ainda neste mês (abril) ele deverá anunciar sua decisão.

A lei (Nº 12.850/2013) que define organização criminosa e regulamenta as delações premiadas,  considera que o registro audiovisual confere maior fidelidade às informações dos colaboradores. Por este motivo, Fachin poderá liberar. No total foram 78 depoimentos de executivos da Odebrect. ( Informações do Estadão)

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.