Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

Fernando Haddad suspeita de dinheiro ilegal na Campanha de Bolsonaro

Fernando Haddad suspeita que há dinheiro ilegal na campanha de ataque que está sofrendo nas últimas semanas com a disseminação de informações falsas a seu respeito e sobre seus aliados via Whatsapp e redes sociais.

“Isso precisa ser investigado. Quem é que está fazendo a contratação desse esquema? Quem está botando dinheiro nisso? Tem um custo e não é baixo, e isso não está na prestação de contas dele (do seu adversário no segundo turno, o candidato Jair Bolsonaro, do PSL). Como se explica?”, afirmou Haddad ao UOL.

“Com esta campanha de disseminação de informações falsas, seja qual for o resultado da eleição, o Brasil de qualquer maneira perdeu. O Brasil vai sair desta eleição menor do que entrou”, disse Haddad.

Sobre notícia publicada mais cedo com a decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em caráter liminar de negar a retirada de “fake news” sobre ele e sua campanha que circulam em grupo privado do Whatsapp (o grupo “aRede – Eleições 2018”), Haddad disse que faltou lembrar das dezenas de vitórias de sua campanha na Justiça sobre informações fraudulentas. “Ao longo da campanha, ganhamos na Justiça a retirada do ar de mais de 60 informações falsas que estavam circulando.” Eugênio Aragão, advogado da campanha de Haddad, classifica o grupo como uma “usina de fake news” (…).