Flordelis tem 48h para começar a usar tornozeleira

Flordelis tem 48h para começar a usar tornozeleira

A deputada federal Flordelis (PSD-RJ recebeu a determinação no dia 18 de setembro, da juíza Nearis dos Santos Arce, da 3ª Vara Criminal de Niterói, para usar tornozeleira. ATÉ HOJE A DETERMINAÇÃO NÃO FOI CUMPRIDA.

Na última quinta-feira (1º), Nearis destacou que a intimação fosse feita até mesmo fora do horário de expediente, “se necessário com auxílio da força policial”.

O Tribunal de Justiça alegava que oficiais não conseguiam intimá-la nem em Niterói, onde ela mora, nem em Brasília, onde trabalha. A deputada federal  foi intimada na noite desta terça-feira (6) a se apresentar, em 48 horas, na Secretaria de Administração Penitenciária (Seap-RJ) para colocar a tornozeleira eletrônica.

A parlamentar, que é pastora e cantora gospel, é acusada de ser mandante do assassinato do próprio marido, o pastor Anderson do Carmo, em junho do ano passado.

No último dia 24, ela virou ré por cinco crimes relacionados ao caso, incluindo homicídio triplamente qualificado e associação criminosa. Oito pessoas foram presas por envolvimento no crime, sendo sete filhos e uma neta dela.

Pelo prazo, ela tem até as 19h desta quinta-feira (8) para instalar o equipamento.