Força Nacional foi criada para fazer marketing de Luladilma

Criada em 2004, a Força Nacional é só um engenhoso instrumento de propaganda do governo federal, que a utiliza para fingir que se importa. Trata-se de ação meramente cenográfica que, dizem especialistas, não faz diferença. Por exemplo: após anos de insistência e 39 presidiários esquartejados, o governo enviou a Força Nacional para Roraima. Eram apenas 100 homens para o Estado cuja Policia Militar tem quase 1.600.

A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O “exército” “bolivariano”  de Dilma tem poucos homens e inclusive  apadrinhados do PT que entraram sem concurso público. A despesa é grande, mas faz pouca diferença quando é enviada para outros estados porque o número enviado não corresponde nem a 5% do efetivo local estadual da PM.

Mais proveitoso seria extinguir a tal Força e mandar mais verbas para as polícias estaduais.