Futuro Chefe da Casa Civil de Bolsonaro confessou ter recebido Caixa Dois

Onyx Lorenzoni será o futuro chefe da Casa Civil de Bolsonaro.

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), arquivou na quinta-feira (01/11) um inquérito que investigava se o deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS) recebeu R$ 175 mil em caixa dois da Odebrecht nas eleições de 2006.

Desde que a delação foi divulgada, Onyx nega o recebimento do dinheiro. Em outro caso, no entanto, ele admitiu ter recebido R$ 100 mil em caixa dois da JBS.

A confissão foi feita em 19.05.2017 e o fato ocorreu na sua mais recente campanha.

Um mês antes (08.04), Sergio Moro, futuro colega de ministério de Onyx, deu uma palestra em Cambridge, nos Estados Unidos, e defendeu pena de 2 a 5 anos de prisão para uso de recursos não declarados em campanha eleitoral:

Para assistir o vídeo, clique aqui