Gilmar Mendes pede investigação criminal da Campanha de Dilma

O ministro Gilmar Mendes, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pediu a investigação de suposta prática de atos ilícitos na campanha que reelegeu a presidente Dilma Rousseff em 2014.

Em despacho encaminhado hoje à Procuradoria-Geral da República (PGR) e à Polícia Federal, o ministro indica “potencial relevância criminal” na campanha petista.

O ministro pediu ainda que a Corregedoria-Geral da Justiça eleitoral apure se houve descumprimento das leis eleitorais. “Além da violação à legislação eleitoral, há potencial relevância criminal nas condutas”, diz o despacho, no qual o ministro sugere que há motivos para que seja aberta uma ação penal pública. ( Estadão)

Está aberta a possibilidade de cassar o registro do PT. será que a procuradora Geral da República, Raquel Dodge vai acatar o pedido?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *