Governo federal reconhece emergência no MS em decorrência de incêndios florestais

Governo federal reconhece emergência no MS em decorrência de incêndios florestais

Após o pantanal se tornar um cemitério de animais e plantas queimadas com milhões de hectares destruídos e com diversas reportagens em veículos da imprensa denunciando as queimadas,somente nesta segunda- feira (14/09) o governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), decretou situação de emergência em razão dos incêndios no Estado, a maior série de queimada das duas últimas décadas, de acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

o governo federal reconheceu a situação de emergência no Estado do Mato Grosso do Sul. A portaria foi publicada nesta segunda-feira, pelo Ministério do Desenvolvimento Regional em edição extra do Diário Oficial da União.

Ao menos 79 municípios sul-mato-grossenses e 1,4 milhão de hectares foram atingidos, incluindo áreas de proteção ambiental e de preservação permanente, de acordo com a publicação. O pantanal é o principal bioma ameaçado.