Greta Thunber é eleita pela revista Time a personalidade do ano

Greta Thunber  começou a se mobilizar em agosto do ano passado, quando deixou de ir à escola para se manifestar em frente ao Parlamento sueco. Para a ativista, não fazia mais sentido frequentar as aulas, uma vez que não haveria futuro devido às mudanças climáticas.

A revista  Times  escolheu, Greta Thunber,  a personalidade do ano.

Diz  a  revista Time:

“A política da ação climática são tão arraigados e complexos quanto o próprio fenômeno, e Thunberg não tem solução mágica. Mas ela conseguiu criar uma mudança de atitude global, transformando milhões de ansiosas vagas no meio da noite em um movimento mundial que pedia mudanças urgentes. Ela ofereceu um apelo moral para aqueles que estão dispostos a agir e lançou vergonha para aqueles que não o são. Ela convenceu os líderes, de prefeitos a presidentes, a assumir compromissos onde eles haviam se atrapalhado: depois de falar com o Parlamento e demonstrar com o grupo ambiental britânico Extinction Rebellion, o Reino Unido aprovou uma lei exigindo que o país elimine sua pegada de carbono. Ela concentrou a atenção do mundo nas injustiças ambientais que jovens ativistas indígenas protestam há anos. Por causa dela,  greve climáticas em todo o o mundo.”