Itália – Com 84,5% de imunizados, Itália registra mais de 11 mil casos por dia de Covid

Com  84,5% do público-alvo (pessoas a partir de 12 anos) já está totalmente imunizado contra a doença, A Itália registrou neste sábado (20) mais 11.555 casos e 49 mortes na pandemia de Covid-19. As mortes são dos não vacinados.

O Brasil tem apenas 60% da população vacinada com as duas doses.

Nos últimos dias, a Itália tem registrado alta nos contágios e óbitos e está vendo a curva epidemiológica subir, o que já fez as autoridades italianas discutirem a reintrodução de restrições. No entanto, existe um crescente movimento para que eventuais medidas mirem apenas as pessoas não vacinadas, tendo em vista que a taxa de mortalidade e de contaminação desse grupo é muito maior no país.

“Provavelmente em dezembro haverá uma espécie de ‘super passe verde’, que significa não penalizar os não vacinados, mas recompensar os vacinados”, afirmou o ministro para Administração Pública da Itália, Renato Brunetta.

Segundo Brunetta, o governo do premiê Mario Draghi está debatendo a possibilidade de “fortalecer o passe verde”, porque “não quer dramatizar”, mas sempre deixou claro que tem que estar pronto para responder à pandemia.

“Quem tem a vacina ou está curado tem acesso a todo convívio social, cinema, bar, tempo livre, almoços, e por isso é um incentivo à vacinação. Quem não tem vacina mas só tem o passe verde ligado ao teste, sofre os constrangimentos”, acrescentou o ministro italiano.

Para Carlo Messina, CEO do Intesa Sanpaolo, maior banco da Itália, “a prioridade hoje é sair da pandemia”. “Não há dúvida que se não travarmos as ondas progressivas de infecções não teremos oportunidade de fazer uma recuperação econômica, e isso criará condições de grande dificuldade para as famílias italianas, aumentará a pobreza e tornará mais problemático o caminho de cada um de nós e o futuro da Itália”, afirmou ele.

Optimized with PageSpeed Ninja