Janot oferece denúncia contra Temer por corrupção passiva

 

BRASÍLIA — O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou o presidente Michel Temer e Rodrigo Rocha Loures por corrupção passiva. Eles são acusados de terem recebido propina do frigorífico JBS. Rocha Loures, ex-deputado e ex-assessor de Temer, era o “homem da mala” de Temer.

“Entre os meses de março a abril de 2017, com vontade livre e consciente, o presidente da República Michel Miguel Temer Lulia, valendo-se de sua condição de chefe do Poder Executivo e liderança política nacional, recebeu para si, em unidade de desígnios e por intermédio de Rodrigo Santos da Rocha Loures, vantagem indevida de R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais) ofertada por Joesley Mendonça Batista, presidente da sociedade empresária J&F Investimentos S.A., cujo pagamento foi realizado pelo executivo da J&F Ricardo Saud”, diz trecho da denúncia, fazendo referência ao grupo empresarial que controla a JBS.

 

Deixar uma resposta